Insterstellar

interstellarBlackHoleEsse é meu segundo post a respeito do filme Interstellar. Continuo achando que foi o melhor filme que eu já vi. A notícia agora é a respeito da ciência por trás do filme, mais especificamente a renderização gráfica do buraco negro Gargantua. O diretor Nolan consultou especialistas tanto em astronomia quanto em computação gráfica e os modelos usados geraram um resultado tão inesperado que já está sendo útil para astrofísicos.

Esse artigo entitulado “Gravitational lensing by spinning black holes in astrophysics, and in the movie Interstellar” escrito por Kip Thorne entre outros explica como um buraco negro distorce a luz ao redor dele causando o efeito de lente gravitacional usado pelos astronomos para observar galaxias localizadas atrás do buraco negro.

+80 XPs

+1 wisdom

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s